04 de Fevereiro de 2020

Morre Asa Branca, o maior locutor de rodeios do país

Conhecido como 'lenda dos rodeios', Asa Branca morreu nesta terça-feira (4), no Instituto do Câncer, na Zona Oeste de São Paulo (SP), vítima de um câncer na mandíbula.

A família de Asa Branca já sabia que o quadro de saúde dele era irreversível. No Instagram oficial do artista, que era administrado por amigos e familiares, foi publicado uma nota sobre a morte do locutor. "É com muito pesar que informo a todos o falecimento do nosso querido Waldemar Ruy Asa Branca dos Santos. Em breve, mais informações".

Asa Branca era portador do vírus HIV desde 1999. Além disso, quase chegou a morrer em 2013, depois de contrair uma doença transmitida por pombos e meningite. Por mais que ele tenha tentado retomar a carreira, o seu quadro de saúde foi se agravando com o passar do tempo.

 

Arrependimento - Em entrevista à VEJA, ele contou que se arrependia por ter feito carreira nos rodeios. O ex-profissional atribuiu seu sofrimento a sua conivência com os maus tratos dos animais nos eventos em que narrava.

Sandra Santos, esposa de Asa Branca, informou que não sabe onde será realizado o velório, mas adiantou que o sepultamento será em Turiuba, no interior de São Paulo, local onde o locutor nasceu.

Comentários

O envio de qualquer comentário é de
responsabilidade do usuário, previsto
na política de privacidade.