Brasil fica em 7º na Paraolimpíada

Apesar de ter evoluído, o Brasil pretende rever a meta de estar entre os cinco melhores na Rio-2016.

Por Redação Tudo UP! – RPT

Compartilhe

Apesar de ter evoluído no quadro de medalhistas de ouro dos Jogos Paraolímpicos em suas últimas quatro edições, o Brasil pretende rever a meta de estar entre os cinco melhores na Rio-2016.
“Nossa participação foi a melhor possível. Atingimos nossos objetivos gerais. O número total de medalhas foi menor do que em Pequim [47], o que atribuímos a lesões e desclassificações de alguns atletas”, disse Andrew Parsons, presidente do CPB (Comitê Paralímpico Brasileiro).
A revisão da meta brasileira decorre de resultados abaixo do esperado por potências paradesportivas como o Canadá (20º) e a provável melhoria de desempenho da Alemanha, da Austrália e dos EUA, nações que possuem centros específicos de treinamento dos paraolímpicos.
A forte dependência do país de resultados de poucos para-atletas (apenas o nadador Daniel Dias ganhou 28,5% do ouro do país) não preocupa o comitê, que afirma ter boa base de renovação na maioria dos esportes.
Parsons declarou que a estratégia brasileira vai continuar sendo dar foco ao programa de competidores de alto desempenho, na busca por medalhas de ouro.
“Os resultados de ouro nos dão mais visibilidade e aumentam as chances de captar mais recursos. Ainda há muito pouco apoio da iniciativa privada ao paradesporto”, diz o presidente do CPB.
Para os preparativos da Rio-2016, os recursos projetados pelo comitê para serem aplicados são em torno de R$ 300 milhões, quase o dobro do aplicado entre 2008 e 2012.
Como próxima sede dos Jogos, o Brasil terá vaga garantida em todas as modalidades. Em Londres, a participação foi em 18 das 20.
Esportes como o levantamento de peso, rúgbi em cadeira de rodas, basquete em cadeira de rodas, vela e tiro com arco terão de ter maior organização e intensificação dos trabalhos para competir de igual para igual com outras nações, segundo o CPB.
Campeã da Paraolimpíada com um resultado impressionante de 95 ouros (quase o total do 2º, 3º e 4º colocados juntos), a China vai fazer uma parceria de cooperação técnica com o Brasil para o próximo evento.
Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/
COM O APOIO DE

CONTINUE INFORMADO

Tivoli Shopping tem nova edição do CineMaterna na próxima terça, dia 28
Casa Hermann Muller é tema de exposição de fotos na Câmara Municipal de Americana
Casa Hermann Muller é tema de exposição de fotos na Câmara Municipal de Americana
"Bee Gees Forever" se apresenta no Teatro Municipal neste sábado
Moradora de Sumaré ganha moto no Espetáculo de Prêmios da Acia
'Furiosa': filme da saga 'Mad Max' estreia nesta quinta-feira
Prefeitura arrecada agasalhos no sistema drive-thru
Exposição "Alma de Artista" pode ser visitada na Biblioteca Municipal
Americana recebe a ópera "Suor Angelica", de Giacomo Puccini
Briga por causa de gatos tem disparo de arma de fogo em condomínio de Americana
Veja Mais Notícias
Tivoli Shopping tem nova edição do CineMaterna na próxima terça, dia 28
Casa Hermann Muller é tema de exposição de fotos na Câmara Municipal de Americana
Casa Hermann Muller é tema de exposição de fotos na Câmara Municipal de Americana
"Bee Gees Forever" se apresenta no Teatro Municipal neste sábado
Moradora de Sumaré ganha moto no Espetáculo de Prêmios da Acia
'Furiosa': filme da saga 'Mad Max' estreia nesta quinta-feira
Prefeitura arrecada agasalhos no sistema drive-thru
Exposição "Alma de Artista" pode ser visitada na Biblioteca Municipal
Americana recebe a ópera "Suor Angelica", de Giacomo Puccini
Briga por causa de gatos tem disparo de arma de fogo em condomínio de Americana